Rumo ao Hexa

Primeiro quero agradecer a oportunidade e a coragem (rs) de me convidarem para participar desse Blog. É uma honra poder escrever no mesmo espaço que essa seleção de comentaristas! Espero corresponder às expectativas!

Ontem ficou claro mais uma vez que nosso jogador mais importante é o Juan. As melhores jogadas passam sempre pelos seus pés. Gilberto é melhor? Maxwell é melhor? Marcelo é melhor? Não acho, mas há quem argumente contra. Só não há quem negue que, nesse momento, o Juan ESTÁ melhor que todos esses.
Quanto ao jogo, parece que finalmente achamos um esquema equilibrado. Consistente na marcação com dois volantes fixos, um terceiro mais solto e um meia armador, se é que podemos chamar Renato Augusto ou Marcinho de armadores. Há uns três jogos que não via a defesa bem, praticamente anulando o ataque do Sport. Só acho que devemos trabalhar melhor no primeiro bote que está demorando a acontecer. O ataque não teve uma atuação tão eficaz quanto à da defesa, mas nos garantiu os três pontos. Renato Augusto ainda está fora de forma e se preocupou mais em ajudar na defesa que armar nossas jogadas. O Marcinho? Bem, eu o criticava antes e continuo com a mesma opinião. Ele não serve para o meio campo, não o acho inteligente o suficiente para a função de armador. No ataque? Sim, é o nosso artilheiro de 2008, responsável por gols importantíssimos, mas já repararam como a bola foge do pé dele? Nesse jogo ficou visível como ele sempre faz a mesma coisa: recebe a bola e a prende até sofrer falta ou perder para o adversário. Posso estar sendo radical, mas não me lembro de nenhum drible em que ele tenha partido para cima do marcador. Ele é oportunista e se posiciona muito bem, mas não dá para esperar mais que isso. Ontem ele ficou ainda mais apagado porque não tinha o Souza ou Tardelli fazendo as jogadas nas laterais para tirar proveito desse seu oportunismo dentro da área. Sinceramente, não sei se ele merece a titularidade nesse momento.

Vou tentar resumir:
-melhores em campo: Ronaldo Angelim, Juan, Jaílton e Obina.
-piores em campo: Léo Moura, Cristian e Marcinho.

Sempre há aspectos a melhorar, mas estamos no caminho de nos tornarmos uma equipe vencedora. Caio Junior mais uma vez não vai conseguir repetir uma escalação contra o Náutico, mas estou confiante! Alguém arrisca os nomes? A minha seria Bruno, Léo Moura, Dininho (Fabio Luciano recebeu o terceiro cartão amarelo e não joga), Angelim e Juan. Jailton, Toró (ah, Torozinho, que saudade…), Ibson (se não puder jogar mais, colocaria o Kleberson. Quando o Jonatas entrar em forma é titular absoluto) e ?????? (Renato Augusto? Marcinho? Estou mais para Erick Flores, Éder ou até testar o Maxi nessa posição). No ataque, Souza e Obina revivendo os bons tempos do começo do ano passado. Que tal?
Como diz o Getúlio, “faltam 29 jogos para o Hexa”!!

Obs: Não posso deixar de também comemorar uma vitória do futebol brasileiro, Eurico nunca mais!

Anúncios

Deixe o seu comentário! Obrigado, BLOG FLAETERNO!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s