O FLAMENGO DOS MEUS SONHOS!

Acordei cedo, coisa rara… Sei lá, cabeça inchada, gosto amargo na boca, não consegui dormir direito, esse Flamengo ainda me mata…

Perder é do jogo, muitas vezes se tem uma atuação de gala e a vitória não vem, escorre pelos dedos! Mas o que vi ontem, contra o Grêmio, foi algo indescritível, saído do inferno, desde que comecei nessa brincadeira (e já faz tempo, lá pelos idos de 1953!) não lembro de nada igual!

O Flamengo foi a antítese de tudo aquilo que sempre amei, que muitas vezes me fez sair de casa apenas com o da passagem de volta no bolso, para ver a paixão da minha vida, encarando a  geral do velho e bom Maracanã, sol ou chuva, dividindo o espaço com os adversários, porque a geral não tinha dono, era de todos, sem distinção de camisa.

Vivi fases brabas, Tinteiro, Caldeira, Radar, Beijoca, Ditão, mas posso garantir que nunca faltou vontade, mesmo nos momentos mais adversos a garra sempre esteve em campo, quando não dava na bola era na porrada mesmo!

Lembro do Almir acabando com o jogo contra o Bangu, decisão do campeonato carioca, goleiro na “gaveta”, derrota certa, mas eles não deram a volta olímpica, Amir foi macho, encarou todo o time de Moça Bonita, mostrou alma! Era o Flamengo em campo, respeitado e temido pelos adversários, amado e idolatrado pelos Rubro-Negros, Deus no céu e o Flamengo na Terra!

Logo após o jogo de ontem o IMPRENSA me ligou, rimos muito, brincamos com a desgraça, parecia até que o Flamengo tinha goleado, Rubro-Negro enverga, mas não quebra! Fizemos da tristeza um motivo para viver, não nos deixamos abater, um dia o Flamengo volta aos velhos tempos, quem sabe outro título mundial, Zico reencarna em um desses moleques promissores, novamente a consagração!

Temos uma geração de garotos que nos darão alegrias e títulos, esses mulambos que hoje entram em campo apenas esquentam o lugar para outros que certamente vão nos representar com mais dignidade, porque foram forjados na mística da camisa mais querida do mundo, sabem de verdade o que é o Flamengo!

Não vou falar do treinador, triste figura, logo sai pela porta dos fundos com o rabo entra as pernas… Nem daqueles que hoje se dizem “dirigentes”, são uns pobres coitados! Prefiro olhar em frente, na esperança de dias melhores, da volta aos títulos avassaladores, da imensa inveja dos adversários, que roem o pé da mesa com cara de otários, quem manda não serem Flamengo??? Bem feito!!!

A Torcida parece anestesiada, os aborrecimentos são muitos, em campo jogadores que nem de longe lembram os eternos Evaristo, Dida, Leandro, Junior, Valido, Domingos da Guia, Dequinha, Biguá, Bria e Jaime,craques que vivem no imaginário e todos nós! Eternos!!!

Esse é um momento apenas passageiro, o Flamengo é muito maior e, como sempre fez, vai ressurgir das cinzas, imprensar os adversários contra a parede, causar inveja, ser campeão! Podem esperar, certeza absoluta, palavra de Rubro-Negro!

COLUNA digitada como nos velhos tempos, alma lavada, coração cheio de amor e esperança no Flamengo Eterno, nesse lugar de verdadeiros Amigos, onde se pode falar tudo aquilo que se pensa sem censuras ou ressentimentos! Bom estar aqui!!! Obrigado!!!

Advertisements

Deixe o seu comentário! Obrigado, BLOG FLAETERNO!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s