D. Paty e sua Gestão Tenebrosa

Dona Paty e sua Gestão Tenebrosa , não apenas Temerária
Por Ricardo Fernando Sens
Olá moçada, TATU do bem por aí? Por aqui TATU do ótimo (só pq o Tatu é o bicho da moda). 
Vou aventurar a escrever algumas linhas e falar algumas bobagens. Nada muito diferente do que estamos há meses escrevendo, discutindo, esperneando o escambau a quatro. 
Mas chega de introduzir e vamos aos fatos que me trouxeram aqui.
Desde 2010, quando a nossa digníssima presidente rubro-negra (assim, tudo minúsculo mesmo) asSUMIU o clube, quais foram os bons momentos?
  • ·         A jogada de mestre ao contratar o Zico;
  • ·         A euforia pela contratação do R10 e TN7;
  • ·         O titulo invicto do carioca em 2011. (kkkk)

Algo mais? Que me lembre, não. Muito pouco para um clube com a tradição e representação que o Flamengo criou ao longo de sua história. A D. Paty só fez promessas de mega contratações, mas o que temos visto foram apenas brincadeiras. 
Brincou com a gente quando dizia que estava negociando com Riquelme, Kleber (esse não sei até que ponto seria bom, ainda bem que não veio) Tevez, Montillo, Juan, Dagoberto, Forlan e agora recentemente, Ganso (esse já fruto de um desespero total). Isso sem falar em um SUPER CT, isso e aquilo.
Se analisarmos ainda os valores a respeito de cotas de transmissão da TV e seus adiantamentos, dos patrocinadores e por ai afora, devem ter entrado nos cofres do clube (ou seria no bolso dos dirigentes?) algo acima dos 500 milhões de reais entre 2010 e 2011.
E o que foi feito com todo esse dinheiro arrecado ás custas do nome FLAMENGO FUTEBOL? Praticamente, NADA. E lá queremos saber de saunas, piscinas, e o baralho a quatro? Os sócios que usufruem disso que banquem essas merdas. O dinheiro que o futebol arrecada, deve ser investido no futebol. SIMPLES ASSIM.
Aliás, o que foi feito, foi uma lambança sem tamanho, em que o FUTEBOL, passou a ter que pagar quase 50 milhões de uma nova dívida adquirida no caso Ronaldinho, que deixou de ser R10 e passou a R49. Isso sem contar outras tantas merdas produzidas, diga-se de passagem, com Deivid, de novo ROMÁRIO e tantos outros menos expressivos, mas não menos importantes.
O que dizer então, quando a D. Paty, resolveu ficar ao lado do bandido do Capetão Léo, menosprezando, virando as costas, TRAINDO MESMO o Zico, ao deixá-lo à mercê dos crápulas? Ela apunhalou não apenas ao nosso ídolo maior, mas á toda a Nação. O Flamengo foi entregue aos empresários que ditam tudo, desde contratações até quem joga e quem não joga.
Para 2013, todos esperamos uma Gestão mais profissional, seja quem for o Presidente e novos rumos, mas o que podemos ainda esperar do Flamengo – futebolisticamente falando – até o término do Campeonato Brasileiro?
SRN

E atendendo a milhares de pedidos, dentre eles, do Gerdi, vizinho aqui em SC, fechamos esta coluna com chave de ouro:
FORA PATY!

Advertisements

Deixe o seu comentário! Obrigado, BLOG FLAETERNO!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s