O exemplo veio do Equador

Minha Análise: A atitude da torcida tem e deve se ser diferente da do time. O time tem que ser agressivo, a torcida paciente. A torcida tem que confiar e esperar, o time tem que conferir e insistir.
Jogamos como humildes e fomos roubados no México. Na Bolívia, jogamos com paciência e perdemos desde o primeiro minuto, só esperando… No Maracanã, jogamos com arrogância e a persistência deles nos roubou 2 pontos…..
Ontem jogamos como FLAMENGO e ganhamos. A torcida teve paciência e já, antes do jogo, confiava. Esperamos pelo gol até o último minuto e aconteceu. Ontem foi FLAMENGO lá e aqui.
Agora vamos jogar contra o Leão mexicano. Vamos pra cima, agredindo, insistindo, não desanimando nunca, como FLAMENGO. E a torcida, não esqueçamos, não pode vaiar, nem que seja o Carlos Eduardo. João Paulo, longe das vaias, mesmo sendo modesto, não comprometeu. É claro que ele não sabe jogar futebol mesmo, mas é quem temos.

A TORCIDA TEM QUE SER FLAMENGO, porque AQUI É FLAMENGO.

Um amigo meu me disse: Eu não queia torcer pelo preto e vermelho, pois gosto do azul, mas eu queria dizer SOU FLAMENGO. É mais forte do que dizer eu sou Cruzeirense… VERDADE.

CESAR PORTO

Anúncios

Deixe o seu comentário! Obrigado, BLOG FLAETERNO!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s